domingo, 12 de dezembro de 2010

GALINHADA MINEIRA

Esta era uma especialidade de minha avó, fazer uma deliciosa e suculenta galinhada.
Ela comprava  a galinha na granja, limpava, cortava deixava de molho em água quente e vinagre para tirar o cheiro forte.
Só então temperava e deixava marinar.
Eu não tenho a receita original  dela, que fazia tudo de cabeça, mas esta chegou bem perto, o resultado é muito bom.  
Claro que aqui em São Paulo encontrar uma galinha caipira, gorda é bem difícil, mas faça com um frango grande se possível fresco, o sabor é  bem melhor.


GALINHADA MINEIRA

galinha gorda, cortada nas juntas
- 1 xícara de óleo
- 1 colher, das de sopa, de tempero caseiro
- 3 cebolas grandes, em cubos
- água fervente suficiente
- 1 k de arroz agulhinha lavado, escorrido e seco
- 3 pimentas ardidas
- cheiro verde e cebola a gosto

Corte a galinha nas juntas, retire toda gordura que se formar, repique os pedaços e lave muito bem.
Lave o arroz e deixe escorrer.
Aqueça uma panela de ferro ou de fundo grosso e coloque o óleo,  acrescente os pedaços de galinha.
Frite até ficar bem corado e acrescente o tempero.
Mexa bem e vá pingando água fervente até a carne começar a ficar macia.
Acrescente as cebolas e as pimentas e refogue até a cebola ficar bem caramelizada, cuidado para não passar do ponto e queimar.
Cubra a galinha com água fervente e cozinhe até a galinha ficar bem cozida.
Acrescente o arroz, acerte os temperos (pimenta e sal) e a quantidade de caldo, que deve ficar 3 dedos acima do arroz. Assim que o caldo começar a ferver retire 4 conchas e reserve.
Cozinhe com a panela semi tampada, até o arroz começar a secar.
Dê uma "virada" no arroz, com a ajuda de uma colher grande, para que todos os grãos fiquem cozidos por igual. Regue com uma concha do caldo reservado, tampe a panela e abaixe o fogo.
Repita o processo de virar o arroz e regue com outra concha do caldo.
Nas duas conchas que sobraram coloque cheiro verde, fatias finas de cebola e pimentas inteiras.
Assim que o arroz secar cubra com o caldo restante, tampe a panela, desligue o fogo e aguarde 5 minutos para servir.

TEMPERO 
Este tempero é bem parecido com o que minha avó usava, mas você pode usar o tempero de sua preferência.

Para 1 k de sal coloque no processador:
1/2 maço de cheiro verde lavado e bem seco
1 cebola média, em 4 partes
15 dentes grandes de alho
1 xícara, das de café, de óleo

Basta processar os temperos com o óleo e misturar ao sal.
Divida o tempero base em 3 porções.
Deixe uma como está,
uso pimentas diversas à gosto na segunda porção
 açafrão, páprica, alecrim, tomilho, sálvia  ou outra erva em outra.
Use de acordo com o prato escolhido e a preferência pelo sabor.


Beijos boa semana

7 comentários:

  1. Muito boa receita Sonia. A galinhada gaúcha é bem diferente, qualquer dia vamos fazer! Abraços!

    ResponderExcluir
  2. que delícia!!! eu adoro galinhada.
    mas nunca fiz! vou passar numa granja que tem aqui perto, lá tem umas galinhas caipiras mto gordinhas rs... e vou arriscar fazer.
    mais uma boa receita que aprendo aqui! adorei
    boa semana!

    ResponderExcluir
  3. Oi Sonia!
    Que delícia!
    Tenho saudade da época que morei em Minas...tudo bem que eu morava em BH, mas sempre viajava para o interior em casa de amigos, e volta e meia pintava uma galinhada, uma vaca atolada, um bambá de couve...quanta comida boa! E os doces? Hummmm!
    Aqui onde moro, em Santos, já pensei em fazer esses pratos, mas ainda não deu aquele "clima". Aliás aqui também é muito quente. mas adorei a receita e vou anotar para fazer mais adiante.
    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  4. Oi Sônia,

    obrigada por visitar meu cantinho. Já estou te seguindo.

    Bjs,
    Tatiana
    http://ponteandoartes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Sonia querida deu p/ sentir o gostinho do seu tempero caseiro, ô comidinha boa!!!, nossa ficou perfeita, a cor tá linda, mega apetitoso, parabéns vc arrasou, bj♥kas e uma linda semana p/ vc e família, ;)...

    ResponderExcluir
  6. Sonia querida uma galinhada bem feita é sempre bem vinda...aqui em casa tenho a sorte de minha mãe me trazer sempre franguinhos caipiras quando eles vão para o sítio, eu simplesmente adooooro...rsrs
    Muito bom

    bjos
    Jana
    http://janainamechi.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. MUITO BOA ESSA GALINHADA

    ResponderExcluir

Olá, obrigada por vir visitar-me, sinta-se à vontade e volte quando quiser.
Deixe aqui seu recadinho.
Vou ficar muito feliz.
Beijos